Ir para conteúdo
Inês - Joana Alves
Inês - Joana Alves

Pedro e Inês

Dom Pedro e Inês de Castro deixaram marcas na história de Portugal e de tantos outros países que neles se inspiram e fazem referência à sua história nas mais diversas formas. A sua história terá também passado pela aldeia de Moledo, no nosso concelho, e são várias as referências à sua passagem e estadia na aldeia.

Mostra de Arte Pública de Moledo

O Moledo foi palco de um notável projeto, resultante da parceria entre a Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa e a autarquia local, que ao longo de quatro anos trouxe até à aldeia de Moledo vários discentes do Mestrado de Escultura Pública para desenvolverem peças alusivas à temática Inesiana.

Este projeto contou com a participação de dez alunos que trabalharam a temática relativa a Dom Pedro e Dona Inês de Castro, nomeadamente a passagem destas duas figuras históricas por terras de Lourinhã, mais concretamente, pela aldeia do Moledo.

Desta ação resultou a construção de uma Rota de Escultura Pública que teve como principais objetivos a consolidação efetiva desta localidade como aldeia histórica, aliando-a à temática Inesiana, bem como a requalificação urbana de alguns dos seus espaços. Esta ação contou ainda com a colaboração dos três professores escultores responsáveis pela disciplina de “Projeto e Laboratório de Escultura Pública”: António Matos, João Duarte e João Castro Silva.

O Logo da MAP de Moledo (Mostra de Arte Pública em Contexto Rural de Moledo) é desenvolvido a partir do tradicional jogo do galo aliando o lúdico e/ou ócio a dois elementos – coração e coroa – que estão intimamente ligados à história da aldeia, substituindo a tradicional cruz e circunferência.

Os conceitos de “ócio e lúdico” referidos anteriormente têm aqui um significado importante, pretende-se convidar os visitantes da aldeia a percorrê-la e descobri-la à semelhança de um jogo, em que se procura um tesouro perdido. O visitante que não tenha acesso ao mapa, poderá aventurar-se e seguir as marcas que encontrará no chão. Essas marcas são fruto de um trabalho conjunto com a comunidade escolar da Freguesia. Em simultâneo, é um exemplo de intervenção de arte pública que nos acompanha ao longo de todo o percurso. Assim, esta marca tem não só pretensão de ser uma intervenção, como também de assumir uma função prática de sinalética.

 

Folheto MAP Moledo